Início » Notícias da Tailândia » Boicote ao filme Mulan, da Disney é pedido por tailandeses ativistas

Boicote ao filme Mulan, da Disney é pedido por tailandeses ativistas

Atualizado em: 03/10/2020

Por: Victória

O boicote ao filme – Mulan é uma história marcante na infância de muitos de nós. Primeiro veio o desenho animado, que teve sua primeira edição em 1998 e a segunda em 2003. Com um enredo bem diferente dos comuns filmes de princesa, Mulan conta a história de uma guerreira chinesa que teve que camuflar sua identidade para proteger a sua família, além de salvar a monarquia.

A história é linda e marcante e, por este motivo, a Disney resolveu criar o filme que foi lançado no início de Setembro de 2020. Mas os tailandeses, taiwaneses e chineses estão espalhando nas redes sociais um pedido de BOICOTE ao filme Mulan e vamos explicar nesta notícia da Tailândia o porquê:

Você pode se interessar por estes posts:

Receba dicas e informações sobre a Tailândia

    Boicote ao filme Mulan da Disney

    Você já deve ter ouvido falar na confusão que está a política de Taiwan. Desde 2019 estão ocorrendo diversos protestos contra o governo autoritário do país. Acontece que, resumindo bastante o cenário, a polícia está agindo de maneira totalmente contrária a qualquer idéia de autoridade.

    Quando há protestos, a polícia agride os taiwaneses, solta bombas e, algumas vezes, até mata. O mesmo acontece na China e, como contamos em nosso post sobre os protestos na Tailândia, o país iniciou o mesmo movimento.

    Esses países, de cultura rica e povo gentil, vem sofrendo com governos autoritários desde o início de sua existência. Com a disseminação da informação, os povos asiáticos (especificamente desses três países) estão “acordando” e percebendo que o país está sendo governado sem se importar pelos interesses de sua população.

    Os governos autoritários dão privilégios aos poderosos e punem o povo com pobreza e injustiças. É por este e outros motivos que os taiwaneses, chineses e tailandeses iniciaram protestos pedindo a reforma do sistema político. 

    De modo resumido dá para perceber que o clima nesses três países é de revolta e pedido de mudanças. Mas, você nos pergunta, porque está contando tudo isso se eu só quero saber porque os tailandeses estão pedindo boicote do filme Mulan? Calma que, agora que você sabe do contexto, vai entender muito melhor a razão.

    Protestantes fazem ilustrações para demonstrar sua irritação e pedido de boicote ao filme Mulan da Disney

    Protestantes fazem ilustrações para demonstrar sua irritação.

    Você sabia que temos passeios incríveis na Tailândia?
    Veja aqui sobre os passeios em Phi Phi que organizamos.
    Os principais são o One Day Trip, passeio de lancha compartilhada com guia brasileiro e reserva de longtail boat privativo.
    Nós também temos passeios em Phuket, Krabi, Bangkok e Chiang Mai.
    Ah, e se estiver fazendo um mochilão pela Ásia, temos parceiros na Indonésia e Camboja.

    A razão para o boicote ao filme Mulan:

    A principal razão pelo pedido de boicote por esses três povos é a alegação que a atriz principal do filme Mulan, Liu Yifei, fez em suas redes sociais. Ela postou uma foto e escreveu, em chinês: “Eu apoio a polícia de Hong Kong. Vocês podem me julgar! Que vergonha de Hong Kong”. 

    Este é o principal motivo que os chineses, tailandeses e principalmente os taiwaneses sentem vergonha da atriz e querem que o filme, que custou mais de US$ 200 milhões, seja um fracasso. Outro motivo bastante obscuro para o boicote do filme é que, o cenário maravilhoso que se passa a longa, foi gravado parcialmente em uma Província da China chamada Xinjiang.

    Neste local há milhares de pessoas muçulmanas que estão sendo reprimidas em “campos de re-educação”, onde o governo chinês impõe seus pensamentos e crenças à população.

    Boicote do filme Mulan da Disney: explicação

    A atriz do longa Mulan na estréia do filme.

    Os Uighurs, povo recriminado, é forçado a trabalhar pesado além de ter diversos ataques aos direitos humanos, como abortos e regime forçado. O que os protestantes não conseguem acreditar é que, além de gravar o filme infantil nesses terrenos de sangue e dor, a Disney ainda fez um agradecimento especial ao Governo Chinês por ceder esse espaço para realização do longa.

    Diversos ativistas em redes sociais descrevem o que está acontecendo nesses campos de concentração como um genocídio e isso não combina nem um pouco com a imagem que a Disney geralmente passa a seus espectadores.

    Outra razão pelo boicote é que o filme foi coordenado por um diretor da Nova Zelândia, sem incentivar os diversos talentosos diretores chineses que existem no país. A Disney não se importou com a localização do cenário do filme e nem com o elenco contido nele e, é por todos esses motivos juntos e acumulados, que os ativistas pedem seu apoio ao boicote do filme Mulan.

    Planeje bem o transporte da sua viagem pela Ásia!✈️🚌🌏

    O continente é formado por muitas ilhas, regiões montanhosas e distâncias longas e isso exige algumas horas de locomoção de um lugar para outro.

    A nossa dica é usar 12Go Asia para pesquisar e reservar os principais transportes e evitar perrengues durante a viagem.

    Depois disso, você acha que deveria assistir ao filme Mulan ou realizar o boicote? Contém spoiler, cuidado!

    Nós, como criadores de conteúdo e interessadíssimos na história e cultura asiática, não pudemos deixar de conferir. Mulan (2020) tem imagens muito bem gravadas, paisagens absurdamente lindas e retrata muito bem o filme na qual foi inspirado. Esta pode ser uma avaliação superficial, de quem não sabe tudo que se passa por trás desse cenário e todos os acontecimentos que relatamos aqui nesta notícia da Tailândia.

    A história que se passa neste filme é muito interessante e queremos discutir a respeito de sua importância. Para quem não sabe, a chinesa teve que se fingir de homem por diversos meses para proteger o pai.

    Ela foi ser treinada para a guerra a favor da monarquia e, como “homem”, ela não tinha que esconder suas habilidades e qualidades que, antes, eram motivo de vergonha por ser uma mulher. Além disso, mesmo salvando os guerreiros de uma derrota iminente, quando descobriram seu gênero verdadeiro, a expulsaram e repudiaram.

    Leia: Reabertura da Tailândia: Como é a quarentena obrigatória de 14 dias

    Boicote do filme Mulan da Disney: explicação

    Cena do filme Mulan da Disney.

    Já nesta parte da história podemos ver que a Disney está relatando a realidade de muitas chinesas e asiáticas que sofrem de um preconceito absurdo apenas por causa de seu gênero. Ao final do filme, porém, ao salvar o grande monarca da morte evidente, ele começa a apoiar a guerreira e a tratar como uma igual.

    Podemos perceber que as mulheres chinesas, há milênios, não são tratadas como iguais e têm que se esforçar e se destacar de uma maneira absurdamente maior para ter a atenção que merecem. O filme poderia ser um chamado, um pedido de igualdade para as mulheres do mundo, se não fosse os outros “pequenos” mas importantes detalhes.

    Nossa opinião sobre o filme Mulan

    Outro ponto contraditório do filme é que a chinesa, mesmo sendo discriminada e atacada pelo seu povo e governantes, ainda assim reuniu forças e SALVOU A MONARQUIA. Todos nós sabemos que a monarquia chinesa e asiática em geral são opressivas e controlam sua população com suas idéias vazias e autoritárias.

    Ela, mesmo tendo que mudar seu gênero, lutou por um governador opressor e autoritário e isso não é muito inteligente de sua parte. Mesmo lutando para que os “malvados da história” não tomassem conta de seu povo, de alguma maneira, ela apoiou o autoritarismo que controlava e ainda controla, centenas de anos depois, o seu povo.

    Agora a pergunta que não quer calar: você deve assistir ao filme Mulan ou participar do boicote pedido pelos nossos queridos tailandeses e asiáticos? Isso cabe a você decidir. Conta para a gente sobre a sua decisão e a razão que vamos adorar saber a opinião de vocês a respeito deste assunto tão polêmico e interessante do mundo atual.

    Você pode ler mais sobre os protestos de Hong Kong aqui (em inglês). Também dê uma olhada nas publicações no Twitter com a hashtag #MilkTeaAlliance (Aliança do chá com leite, bebidas da Tailândia e China/Taiwan) para ver a opinião dos ativistas na prática. Os comentários nesta foto do Instagram também são bem alarmantes (em inglês).

    Para saber mais sobre os protestos da Tailândia fique atento às nossas notícias que saem todo sábado às 10:10 da manhã! É só ativar o sininho para receber a notificação assim que postarmos algo. Leia também nosso post sobre o muay thai na Tailândia: curiosidades e história do boxe tailandês.

    Participe dos nossos grupos para troca de dicas e informações:

    Você pode ver o trailer da Mulan (2020) em inglês abaixo e o em português neste link:

     

    E, para relembrar da infância e da história do filme, pode ver o trailer do filme de 1998 também:

    Seguro viagem para a Tailândia é essencial!

    Contrate um seguro viagem de qualidade e confiável. Nós recomendamos a World Nomads, que tem atendimento em português pelo Whatsapp e a SegurosPromo, nossa parceira nacional.

    Para contratar a World Nomads use o código PROADAVIDA5 para ter 5% de desconto e na
    SegurosPromo o código PPP10 para ter 10% de desconto.
    Assista essa playlist para te ajudar a escolher o melhor seguro viagem!

    Leia também:

    Eai, o que achou do post? Esperamos ter te ajudado a planejar a sua viagem pela Tailândia. Não se esqueça de ler este blog e o naproadavida.com já que damos dicas para aproveitar ao máximo esse país maravilhoso. Nós também temos conteúdo sobre a Ásia em nosso Instagram, Facebook, Pinterest e YouTube, dá uma olhadinha!

    Se tiver alguma dúvida deixe aqui embaixo nos comentários que iremos ficar super felizes em responder.
    Ah, e quando souber a data que fará a sua viagem para a Tailândia não deixe de entrar em contato com a gente para combinarmos os melhores passeios em Phi Phi e na Tailândia.

    Receba dicas e informações sobre a Tailândia

      Planeje sua viagem

      seguro viagem

      hotéis

      transporte pela ásia

      trabalho voluntário

      Fotos, dicas e infos.
      Segue lá:

      Vai ajudar ainda mais na sua viagem:

      Ficou alguma dúvida? Comenta aí que a gente te ajuda! 😊

      10 Comentários
      1. Fabíola Moura

        A democracia não é perfeita mas é melhor que qualquer tipo de totalitarismo, seja ele qual for. Liberdade é o que precisamos preservar e garantir que todos tenham oportunidade de fazer suas escolhas, desde que respeitem as escolhas dos outros. Há coisas mais relevantes a boicotar.

        Responder
      2. Fernanda Scafi

        Pra falar a verdade, eu não curto desenhos e nem assisti Mulan ainda kkkkk E não fazia ideia de q estavam rolando boicotes e protestos contra o novo filme. Cada vez mais, mais gente tem noção de que política afeta diretamente suas vidas.

        Responder
        • Victória Farina

          Com certeza, Fernanda! Bom saber que esse post foi informativo e te trouxe uma curiosidade da Tailândia 🙂

          Responder
      3. Leo Vidal

        Infelizmente está tudo muito polarizado no mundo que a arte em si nem é mais reconhecida. Ainda não assisti ao live action, mas porque acho a história em si chata. Acaba que o tiro sai pela culatra e o boicote ao filme Mulan, vai gerar mais audiência.

        Responder
        • Victória Farina

          Pode até ser, Leo! Mas ouvi poucos comentários a respeito disso no Brasil por isso achamos super interessante mostrar essa curiosidade da Tailândia a vocês 🙂

          Responder
      4. Lulu Freitas

        Não vi o novo filme da Mulan. Infelizmente nosso mundo está muito complicado e questões externas impactam a obra artística. Acho que a posição política da atriz não seria motivo para boicote internacional, mas quem é de Hong Kong tem todo o direito de se sentir ofendido e boicotar o filme por conta das declarações dela.
        Gostei bastante do seu post e das reflexões que ele desperta!

        Responder
        • Victória Farina

          Que bom que curtiu e adorei mesmo a sua opinião a respeito do filme Mulan, Lu!

          Responder
      5. Débora Maraston

        Ualllll assisti Mulan , tanto na versão desenho como em filme, e adorei. Nem imaginava toda este boicote ao filme Mulan. Estou adorando estas notícias que saem aos sábados pois nos atualiza muito de um lugar que adoro que é a Tailândia

        Responder
      Enviar um comentário

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

      Iniciar conversa
      E aí, tem alguma dúvida? Clique abaixo e vamos conversar!